Teatros

Teatros em Salvador
  • A+
  • A-

Principais Teatros de Salvador

Café Teatro Rubi


O Café Teatro Rubi dispõe de serviço de bar e de manobrista.

O consumo de alimentos e bebidas dentro do Café Teatro, bem como o serviço de manobrista não estão incluídos no preço do ticket couvert artístico.

O serviço de bar funciona a partir de 45 minutos antes da apresentação.

Local: Sheraton da Bahia Hotel
Endereço: Av. Sete de Setembro, 1537- Praça do Campo Grande
Tel.: (71) 3013-1011
Lotação: 39 mesas com 156 lugares
Website: cafeteatrorubi.com.br/category/programacao


Teatro Castro Alves


O TCA é atualmente o principal equipamento cultural do estado, constituindo-se como complexo produtor de cultura, indo além de ser um mero receptor de espetáculos.

O Teatro abriga ainda os dois corpos artísticos estáveis mantidos pelo Governo do Estado: A Orquestra Sinfônica da Bahia e o Balé do Teatro Castro Alves.

Endereço: Praça Dois de Julho, s/n - Campo Grande
Tel.: (71) 3535-0600
Lotação: Sala Principal (1.560 lugares), Sala do Coro (197 lugares), Concha Acústica (5.620 lugares)
Website: www.tca.ba.gov.br

Teatro ACBEU


Inaugurado em 14 de abril de 1988, o espaço conta com três camarins, ar condicionado central, um piano acústico, equipamentos de iluminação cênica, sistema de sonorização, além de recursos audiovisuais e uma excelente acústica para o espaço, o Teatro ACBEU é tido como um dos melhores teatros da Bahia.

Ao longo dos anos, o Teatro ACBEU tem apresentado uma rica e variada programação de música popular e erudita, teatro e dança, com espetáculos de terça a domingo, apresentando artistas locais, nacionais e internacionais.

Endereço: Avenida Sete de Setembro, 1883 - Corredor da Vitória
Tel.: (71) 3535-0600
Lotação: 283 pessoas
Website: www.acbeubahia.org.br/cultural/default.asp

Teatro SESC Casa do Comércio


O Cine Teatro se constitui em um dos mais nobres espaços culturais da capital baiana, e está localizado na mais nova área comercial de Salvador: a Avenida Tancredo Neves, no bairro da Pituba. Dispõe de três foyers, um american bar e infraestrutura necessária para atender a realização de programações culturais diversas, congressos, fóruns, etc.

Endereço: Av. Tancredo Neves, 1109, Edifício Casa do Comércio - Pituba
Tel.: (71) 3273-8543/8765
Lotação: 546 pessoas
Website: www.sescbahia.com.br/teatroccdm.aspx

Teatro Gamboa Nova


Nasceu em 2007, com o intuito de reanimar um espaço cultural muito querido e peculiar de Salvador, que já foi administrado e ocupado por grandes artistas de dentro e fora da soterópolis, desde 1974.

Um lugar de intimidade, de troca, de parcerias e amizades, que faz com que muitos criadores possam iniciar seus processos de apresentação e divulgação de espetáculos, shows, exposições, filmes, performances, entre outras obras importantes para a dinâmica artística local.

Aqui, cada projeto é avaliado para proporcionar a formação de novas plateias, com ingressos a preços populares, misturando linguagens, lançando novos talentos, abrindo espaço também ao longo destes anos para oficinas de formação.

Assim, o artista não paga pauta e tem à sua disposição serviços técnicos de iluminação e sonorização, além do trabalho de produção e assessoria de comunicação. A parceria também oferece a bilheteria total ao proponente. Um teatro particular, que funciona como um centro cultural público, mantido através da parceria com o Governo do Estado da Bahia e coordenado pela Associação Grupo Estado Dramático.

Endereço: Rua Gamboa de Cima, 3 - Aflitos
Tel.: (71) 3329-2418
Website: www.teatrogamboanova.com.br

Teatro Gregório de Mattos


Único teatro municipal de Salvador, foi projetado pela conceituada arquiteta Lina Bo Bardi. Espaço com muita mobilidade, capaz de abrigar espetáculos em diferentes formatos e tamanhos.

Endereço: Praça Castro Alves, s/n - Centro
Tel.: (71) 3322-2646
Lotação: 180 lugares
Website: www.cultura.salvador.ba.gov.br

Teatro ISBA


Em outubro de 2001, nasce o Projeto Teatro ISBA, para atender ao Curso de Artes Cênicas, lançado pela FSBA e também atuar como mais um equipamento cultural na Cidade.

Nossa trajetória acumula grandes desafios e uma busca constante pela excelência; o que certamente contribuiu para o crescimento e o fortalecimento do nosso negócio. Como resultado hoje oferecemos aos clientes uma Instituição consolidada com um portfólio de produtos diversificados, além de contar com colaboradores qualificados, que são parte essencial da qualidade dos serviços prestados.

A qualidade do nosso equipamento chama atenção de produtores locais e de nível nacional, que vêm trazendo ao Teatro, ao longo desses 15 anos, importantes espetáculos da cena baiana e do eixo Rio/São Paulo.

Com a Companhia Baiana de Patifaria, parceira histórica, apresentamos: Capitães de Areia, A Vaca Lelé, Noviças Rebeldes, A Bofetada, Sricotico – Uma Comédia do Balacobaco, ABAFABANCA e mais recentemente, Fora da Ordem, com Lelo Filho.

Nosso Foyer, como espaço de exposição das artes plásticas, já abrigou As exposições: “Cia Baiana de Patifaria e Sua História”; “IRMÃS” – da Fotógrafa premiada Gao Maiolino e “SUPERCROMOS” do Artista Plástico Ramon Rá.

Além do âmbito artístico-cultural, o Teatro também oferece serviços para a realização outros Eventos como Palestras, Formaturas, Congressos, Festivais, Seminários Convenções, Lançamentos de produtos, Espetáculos de encerramento escolas, Ballet, dentre outros.

Endereço: Av. Oceânica, 2717 - Ondina
Tel.: (71) 4009-3622
Website: http://teatro.isba.com.br

Teatro Jorge Amado


O Teatro Jorge Amado está localizado no bairro da Pituba. A plateia está dividida numa parte superior e outra inferior.

Endereço: Av. Manoel Dias da Silva, 2177 – Pituba
Telefone: (71) 3240-6344
Lotação: 418 lugares
Facebook: www.facebook.com/TeatroJorgeAmado

Teatro Módulo


O Teatro Módulo construído há 15 anos, a partir de uma iniciativa pioneira e inovadora do Colégio Módulo, com o objetivo de incentivar a Cultura e as Artes. Com uma infraestrutura moderna, conforto e segurança para seu público, aliado ao profissionalismo da sua equipe técnica, o Teatro possibilita abrigar os mais diversos tipos de espetáculo, produções e eventos.

O Módulo dispõe, tecnicamente, do que há de melhor para uma casa de espetáculo. Com capacidade para 282 lugares, podendo chegar, confortavelmente, até 300 lugares, acesso para deficiente físico, 3 camarins, ar-condicionado central, vagas para estacionamento, além de contar com a Sala Carlos Bastos, anexa ao Teatro, onde podem ser realizadas exposições, palestras, seminários, etc.

Endereço: Av. Prof. Magalhães Neto, 1177 – Pituba
Tel: (71) 2102-1300
Lotação: 282 lugares (chegando confortavelmente a até 300 lugares)
Website: www.portalmodulo.com.br/teatro-modulo

Teatro Sesc Senac Pelourinho


Inaugurado em 1975, ano de restauração dos casarões que formam o Complexo Turístico Sesc-Senac Pelourinho, o Teatro possui duas salas: um palco italiano e um semi-arena.

 Após ampla reforma em parceria com o Governo do Estado, o espaço foi reinaugurado em 1998, com uma nova infraestrutura, que inclui hall, bilheteria, área administrativa, foyer, café bar, camarins e iluminação cênica; e desde então possui uma programação ininterrupta. Importante espaço cultural de Salvador, o Teatro já recebeu ao longo de sua trajetória diversos artistas nacionais e internacionais do teatro, do circo, da dança e da música. É um dos espaços mais intensos da cidade, com atrações sempre a preços populares para atender aos comerciários, seus dependentes e público em geral, além contribuir para a formação e fidelização de novos públicos culturais.

As Diretrizes Gerais do Sesc trazem na sua linha de atuação a valorização da produção cultural local e regional, a democratização do acesso à cultura, a diversidade de linguagens, a oportunidade de trocas simbólicas entre grupos artísticos, a capacitação artístico-cultural de estudantes e demais interessadas, a inclusão social, além de utilizar dos elementos que fomentem a cultura como agentes transformadores dos indivíduos.

Endereço: Largo do Pelourinho, 19, Centro Histórico
Telefone: (71) 3324-4520
Lotação: Anfiteatro para 600 pessoas e sala principal com 220 lugares
Website: www.sescbahia.com.br/teatrosescsenac.aspx

Teatro Sesi Rio Vermelho


O Teatro SESI Rio Vermelho foi criado com a proposta de estimular as produções artísticas locais e incentivar novos talentos. Com 18 anos de existência, o teatro é hoje um pólo divulgador de novos talentos e da cultura baiana, com uma atuação marcada por pioneirismo, inovação e apoio aos grupos artísticos locais, contribuindo para o fortalecimento e a consolidação do teatro na Bahia.

Localizado no bairro do Rio Vermelho, em Salvador, o teatro está instalado em um casarão antigo construído na 2ª metade do século XIX. Vem, desde 1997, desenvolvendo ações de formação de plateia, projetos socioculturais envolvendo jovens das comunidades vizinhas, concursos, festivais e mostras artísticas dos talentos da indústria, entre outros.

Endereço: Rua Borges dos Reis, 9 - Rio Vermelho
Tel: (71) 3616-7064
Website: www.portalsesicriativo.com.br

Teatro Vila Velha


O TVV sempre foi um espaço de liberdade, desde a sua inauguração, em 31 de julho de 1964, exatos quatro meses após o Golpe Militar. O Vila reagiu à ditadura, acolheu artistas e estudantes perseguidos, abrigou encontros do movimento estudantil. Por toda essa história, o TVV foi sede da Anistia Internacional. Foi também no palco do Vila que foram julgadas e aprovadas as anistias políticas do cineasta Glauber Rocha e do guerrilheiro Carlos Marighella, que o Estado Brasileiro pediu desculpas a suas famílias pelos atos criminosos durante o regime militar.

Em 2012 e 2013, o Vila abrigou o Movimento Desocupa, contrário aos abusos feitos pela administração municipal e, junto a ele, realizou o projeto “A Cidade que Queremos”, que discutia o futuro de Salvador. Mais tarde, apoiou o Movimento Passe Livre, que tinha o Passeio Público como quartel general.

É também histórica a luta do TVV contra o racismo. O Bando de Teatro Olodum há 23 anos coloca em evidência a violência, a discriminação e as injustiças sofridas pelo negro ainda hoje. A luta por respeito ao povo negro e, especialmente, à arte negra, levantada pelo Bando, serve de inspiração a muitos, e já transcendeu as fronteiras do Brasil.

Fazer teatro vila velha é também construir no plural. Fundado pela Cia Teatro dos Novos, primeira companhia profissional de teatro da Bahia, foi berço de importantes grupos artísticos. Nasceram aqui o Teatrinho Chique-Chique, o Vilavox e a Companhia Novos Novos, hoje com sedes próprias. Aqui surgiu o Viladança e o Vivadança Festival Internacional, que coloca o Vila e a Bahia no circuito internacional de dança. Abrigou o Teatro Livre da Bahia, A Outra, o NATA - Núcleo Afrobrasileiro de Teatro de Alagoinhas, a Cia Teatro da Queda, a Supernova Teatro e é a casa do Bando de Teatro Olodum. 

Endereço: Av. Sete de Setembro, s/n - Passeio Público
Tel: (71) 3083-4600
Lotação: 400 pessoas (total de 235 cadeiras)
Website: www.teatrovilavelha.com.br

Espaço Xisto Bahia


O Espaço Xisto Bahia foi inaugurado em 20 de março de 1988, no subsolo do prédio da Biblioteca dos Barris, funcionando provisoriamente até entrar em reforma em 1998. O Xisto possui uma sala de espetáculo com capacidade para até 200 espectadores, galeria, foyer, sala de reuniões, duas salas para ensaios e um acervo de textos e imagens históricas do teatro da Bahia. A caixa cênica é munida de equipamento de som, luz e projeção em quantidade suficiente para atender confortavelmente a diversas produções.

Atualmente, além de atender às produções independentes no circuito comercial, o espaço desenvolve ações de dinamização, fomento e acessibilidade aos bens culturais, através de programas da SECULT-BA (Secretaria de Cultura do Estado da Bahia) e FUNCEB (Fundação Cultural do Estado da Bahia), sempre em parceria com instituições e artistas baianos.

O espaço integra o grupo dos 17 Espaços Culturais gerenciados pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC/Secult/BA), oferecendo ao público e à população espetáculos variados a preços populares.  Caracteriza-se também por ser um espaço de fácil acesso, por sua proximidade com a Lapa – principal terminal rodoviário de Salvador. Juntamente com a DIMAS e da Biblioteca Pública do Estado da Bahia, o Xisto compõe o Complexo Cultural dos Barris, um complexo multicultural à serviço da comunidade.

O Xisto funciona diariamente, com ensaios e atividades formativas regulares acontecendo nas salas de ensaio de domingo a domingo. O acervo funciona mediante agendamento de visita, e oferece aos baianos um material histórico único ligado ao teatro e à dança de nosso estado. Na galeria, artistas visuais de diferentes linhas de trabalho podem expor seus trabalhos de forma gratuita e aberta à visitação. Já o palco principal, coração deste espaço, acolhe produções de teatro, dança, música e multilinguagens para todas as idades, com sessões regulares de terça a domingo.

O Xisto é um centro cultural pensado para acolher a todos, com uma programação diversificada e valores acessíveis aos mais variados perfis de frequentadores. Afinal este é um espaço público, mantido por e para todos os cidadãos baianos.

Endereço: Rua General Labatut, 27 – Barris
Tel: (71) 3117-6155
Lotação: 192 assentos
Website: https://espacoxisto.wordpress.com

Teatro Martim Gonçalves


Em 1958 foi inaugurado o Teatro Santo Antônio, rebatizado posteriormente (em 1996) como Teatro Martim Gonçalves (TMG). O então teatro era uma construção provisória para que futuramente fosse realizada sua construção definitiva.

Após 50 anos, o TMG foi reinaugurado em 01 de outubro de 2007, tendo como base a concepção inicial de palco italiano, com plena caixa cênica que permite aos estudantes e professores uma infraestrutura física para ensino e produções teatrais em condições compatíveis com as necessidades de uma Escola de Teatro que o tem como seu principal laboratório de ensino, pesquisa e extensão.

O antigo teatro foi demolido e reconstruído, elevando-se a altura do mesmo para que fosse colocada o piso da sofita de iluminação e cenotecnia (estrutura de aço, com passarelas para colocação de refletores e subida/descida de cenários); o palco italiano foi ampliado, assim como seu palco giratório, fosso, coxias laterais; foram construídos dois amplos camarins laterais; a plateia também foi ampliada em aclive, assim como o Foyer (Galeria Nilda Spencer). As instalações elétricas, de climatização, sonorização, cenotecnia, iluminação cênica, foram também modernizadas.

Endereço: Av. Araújo Pinho, 292 – Canela
Tel: (71) 3283-7862
Lotação: 194 lugares (192 assentos e 2 para cadeirantes)
Website: www.teatro.ufba.br

Centro Cultural Plataforma


Depois de quase 20 anos fechado, o Centro Cultural Plataforma abriu suas portas à comunidade em 08 de junho de 2007. A reabertura foi uma conquista dos artistas e entidades socioculturais do Subúrbio Ferroviário de Salvador, que desde o fechamento do antigo Cine Teatro promoveram uma mobilização permanente, com manifestos, projetos e articulações políticas para recuperar o espaço. Outra parceria importante foi a da Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB, que de acordo com a política cultural adotada pelo Governo do Estado, tem como diretrizes a descentralização e a participação popular, devolvendo o espaço aos indivíduos do Subúrbio.

“O Cine Teatro”, como é conhecido pelos moradores mais antigos, foi construído entre as décadas de 30 e 40, sendo mantido pelo Círculo Operário da Bahia, entidade que era ligada à Igreja Católica. Esta mesma entidade doou para Irmã Dulce, por conseguinte, não conseguiu manter e repassou na década de 70 para o governo do Estado. Após diversos abaixo-assinados da comunidade e manifestações de grupos culturais da região em

 2005 ele entrou em reforma e em dezembro de 2006 foi reinaugurado, mas foi em 8 de junho de 2007 que as atividades nele foram reiniciadas. No primeiro semestre de 2007, foi criado o Fórum de Arte e Cultura do Subúrbio, que, após várias intervenções, acerca do reinício das atividades, da proposta de gestão participativa, do caráter do espaço, contribuiu para a reabertura do cine teatro junto à ação da FUNCEB. A atual gestão se dá numa comunhão Sociedade Civil organizada e Estado; é feita em parceria entre a FUNCEB e os grupos culturais do Subúrbio ferroviário de Salvador.

Endereço: Praça São Braz, s/n – Plataforma
Tel: (71) 3117-8106
Website: https://centroculturalplataforma.art.br